Blog

Energia verde: o que é? Causa impactos ambientais?

Energia verde: o que é? Causa impactos ambientais?

A constante exploração de recursos naturais para a produção de energia já causou e segue causando impactos ambientais do pior tipo. A poluição do ar, do solo e da água; o forte agravamento do efeito estufa; e as intensas mudanças climáticas mostram que já chegamos ao limite. E foi com o objetivo de diminuir esses impactos que as alternativas de energia verde foram desenvolvidas.

Energia verde, energia renovável, energia limpa, enfim. Independente do nome pelo qual você conheça, é certo que já ouviu falar neste tipo de energia. Neste texto, a Filtroil fala um pouco mais a respeito dela. Além de explicar com detalhes o que é energia verde, vamos mostrar os principais exemplos e falar sobre a relação dela com os impactos ambientais.

Continue a leitura e entenda!

O que é energia verde?

Energia verde é o nome que damos a qualquer tipo de energia produzida a partir de recursos renováveis, ou seja, que são reabastecidos naturalmente. É o caso da luz do sol, do vento, das marés e das chuvas, por exemplo. Todos eles são elementos naturais inesgotáveis.

É importante lembrar que, mesmo que o petróleo e o carvão mineral — os combustíveis fósseis que fazem parte das principais fontes de energia da atualidade — também sejam extraídos da natureza, eles não são elementos que se renovam. Logo, são o contrário da energia verde: altamente poluentes e prejudiciais tanto para o planeta quanto para a própria existência humana.

A boa notícia é que a produção de energia verde tem crescido em todo o mundo nos últimos tempos. Enquanto os números do início da década ainda eram baixos, diversos métodos passaram a ser mais acessíveis e, hoje, a produção de energia limpa está maior do que nunca.

Principais exemplos desse tipo de energia

Outro ponto muito positivo em relação à energia verde é que existem diversas maneiras renováveis de se produzir energia. As principais são:

  • Energia fotovoltaica: É a famosa energia solar, em que painéis fotovoltaicos captam a luz do sol e a convertem em eletricidade;
  • Energia eólica: Usa uma turbina eólica e, com a força do vento que a gira, transforma energia mecânica em energia elétrica;
  • Energia hidrelétrica: É a energia verde mais utilizada do mundo. A água movimenta uma turbina, e esta energia mecânica é convertida em energia elétrica;
  • Energia de biomassa: Biomassa é o nome que damos para o material orgânico usado para produzir energia. O material é queimado e seu vapor, assim como a anterior, rotaciona uma turbina conectada a um gerador que produz a eletricidade;

A energia verde causa impactos ambientais?

Chegamos, por fim, a um ponto crucial sobre este assunto. É claro que a energia verde causa muito menos impacto que outras fontes, especialmente por não emitir nenhum gás prejudicial à atmosfera. Mas isso não significa que ela tenha impacto zero para o planeta.

O principal exemplo disso é tudo que é necessário para construir uma usina hidrelétrica. Por ser um espaço muito grande, às vezes sua construção exige que se destrua um ecossistema inteiro — o que está longe de ser um ponto positivo.

No entanto, não é por isso que ela deve ser dispensada. A energia verde é melhor que outros tipos e deve ser priorizada para minimizar os impactos. Mas, apesar disso, é preciso ter em mente que outros cuidados devem ser tomados quando ela for implementada.

E você, já conhecia os principais exemplos de energia verde? Sabia que, apesar de menos, ela também tem seus impactos? Caso tenha gostado do texto e queira continuar recebendo conteúdo relacionado a questões ambientais, é só seguir a Filtroil no Facebook e no Instagram!

Fale com um Especialista

Tire todas as suas dúvidas falando com nossos especialistas, estamos preparados e prontos para falar com você.

Grupo Filtroil - 2022 © Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por WEBi